Discussão ou CAINDO NA PORRADA!

Eu sei que no calor da discussão é difícil se controlar, mas há certas coisas que pre-ci-sam ser evitadas, como, por exemplo, ficar “jogando as coisas na cara do outro [“você dá um de santinho, mas te vejo todo dia no barzinho”, “não toma café, mas é viciado em Coca-Cola”]. Isso é muito chato, quando faz isso, você perde uns 5.000 pontos com a pessoa, sem contar os já perdidos por causa da briga. Além disso, pode machucar, vai que o outro fica com o olho roxo!

gato

Algo constrangedor é esquecer o motivo da briga no meio dela. Sempre acontece comigo! Na verdade, acontece com a maioria das pessoas, por isso sempre dizem “mas por que você está falando isso?!”, “você está dizendo que eu fiz o quê?!ou o que foi que eu fiz?!”. Essas expressões são usadas numa desesperada tentativa de que o outro briguento dê alguma dica, sem querer, do que aconteceu. Mas sabe, isso nunca dá certo! Precisamos adotar uma outra estratégia, ou então, sermos sinceros e dizer “olha, nem lembro mais o que provocou essa gritaria, mas mesmo assim, estou irado, então, vê se sai logo da minha frente ou eu providencio pessoalmente a sua retirada!”.briga
Continuar lendo

TAG: Perguntas Aleatórias

mulher

E aíííí minha gente!

Nunca respondi TAG alguma porque nunca me indicaram, mas não vem ao caso, entretanto resolvi publicar essa de hoje porque já basta não colocar uma foto minha aqui no blog, todos tem direito de saber algumas coisas pessoais desta criatura bobona que escreve coisas legais sem sentido neste blog lindo nada ver 😀

Quem me indicou foi a Nayara do blog Sorrir pra Encantar, muito obrigada pela indicação Nay! Mas quanta intimidade já ir chamando a pessoa por apelido… mas é que achei tão fofo ela me indicar, tão tudo ^^

Lá vai:

1. Na sinceridade, você acha que dinheiro é mais importante que o amor? 

Jamais! Amor é tudo sim e que me julguem os mais “realistas”. Talvez o amor sofra um pouco sem dinheiro, mas ter dinheiro sem o bendito amor é o fim do mundo, depressão na certa!  Continuar lendo

#Shakespeare meu “kirido”!

“Lutar pelo amor é bom, mas alcançá-lo sem luta é melhor” – William Shakespeare

Sou ousada e sabe como vou provar isso para você? Discordando de Shakespeare.

Que absurdo, lutar pelo amor não é bom!

Quando ouço a expressão “luta” imagino duas mulheres descabeladas, alguém soltando as tripas pela barriga, um homem cambaleando ou então o Brad Pitt, quer dizer, Aquiles, com uma armadura de ferro sendo atingido no calcanhar. Quem já assistiu algum filme de guerra sabe o que é luta…

Vai por mim, se você precisa lutar para ter o amor de alguém, tem algo errado aí viu! Ou você não chamou a atenção o suficiente ou ele(a) não está interessado. Continuar lendo

Casa de pobre = pobre da casa!

casa de pobre

Às vezes tenho vontade de fugir de casa, mas já não tenho idade para isso – se fugir agora vão achar que me casei!

É complicado morar com a família, principalmente se você é uma pessoa legal como eu. Não consigo ouvir uma música inteira sem interrupções quando estou em casa – é um tal de “lava a louça por favor”, “passa pano no chão”, “a louça que você lavou secou, vai lá guardar ela”, etc.

Pensando bem, acho que não sou legal, sou serviçal.

E no final sempre tem o “Deus te pague”. Não é por nada não, mas eu quero que outro alguém me pague. Se Deus for me pagar alguma coisa, eu vou é levar uma surra! Nunca estamos quites com Deus a ponto de recebermos um pagamento ou alguma recompensa. Continuar lendo

Nomes de filhos

família engraçada

Por que tem pais lunáticos que escolhem nomes parecidos para os filhos?!

Thiago e Hiago
Thiago & Hiago

Thiago e Hiago. Priscilla, Patrícia, Cecília e Felícia. Humberto e Felisberto. Ramon e Roberto.

ratinhos engraçados
Milton, Matilde, Matheus, Marta, Maria, Mário e Mônica

Agora, tem uns pais que querem ser mais clichês contundentes. Eles desejam teimosamente que toda a humanidade saiba que “aquela molecada é tudo irmão”. Então, registram os nomes de todos os filhos com a mesma inicial:

Milton, Matilde, Matheus, Marta, Maria, Mário e Mônica.

Bruno, Bruna, Beatriz, Beraldo, Bianca, Breno. Continuar lendo